Luz Carpin

Luzinete Carpin Niedzieluk [Luz Carpin | Cadeira nº 3 | Patrono: Delminda da Silveira

É licenciada em Letras (Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa pela Universidade Federal de Santa Catarina) e em Artes Visuais pela Universidade do Estado de Santa Catarina. É mestre em Linguística Textual pela UFSC, doutora e pós-doutora em Linguística Aplicada pela UFSC. Professora, poeta e escritora. É membro fundadora da Academia Catarinense de Letras e Artes (ACLA) e idealizadora dos prêmios “Paschoal Apóstolo Pítsica”, “Victor Meirelles”, ‘Waldir Brazil”, “Edino Krieger” e “Conjunto da Obra” desta instituição. Desenvolveu pesquisas na recuperação da história do município de Palhoça, organizou o livro Lendas, Causos, Pasquins, Benzeduras e Ditados Populares de Palhoça (2007/2010), publicou em 2009 de sua autoria o Caderno da Cultura Folclórica Palhocense – Pão por Deus, em 2010 dando prosseguimento a este trabalho publicou também o Caderno da Cultura  Folclórica Palhocense – Cantoria da Ratoeira. Em 2011, publicou o livro Massiambú Pequeno – Histórias e também, em 2011 publicou o livro Resgate do Bairro Ponte do Imaruim. Foi premiada, em 2011, com a medalha Prof. João Davi Ferreira Lima que tem por finalidade homenagear pessoas que tenham prestado relevantes serviços ao ensino superior no Município de Florianópolis, pois atuou como professora na UFSC, na ESAG e em escolas do município. Também recebeu o Prêmio Destaque Mulher Palhocense que objetiva homenagear mulheres que se destacaram nas suas áreas: educação, pela Faculdade Municipal de Palhoça dia 30/05/2011. Tem dois livros de poesias publicados Labirintos (2001), pela Copiart, Tubarão/SC e Fractais Emergentes (2005) pela Nova Letra, Blumenau/SC, além de poemas publicados em antologias. Tem poema publicado no livro O Jardim de Judith (Tijucas, 2004). Teve selecionado no Concurso Internacional da Academia Il Convívio (Itália) o poema “Labirintos”, publicado, em italiano e português na “Antologia del premio Poesia, Prosa e Arti Figurative 2005” da mesma Academia. É verbete da Enciclopédia de Literatura Brasileira Contemporânea, vol. XII, 2005.  Atualmente, é pós-doutoranda em Artes Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais – Centro de Artes, da Universidade do Estado de Santa Catarina (PPGAV/CEART/UDESC) e membro do grupo de pesquisa CNPq Núcleo de Estudos Semióticos e Transdisciplinares – (NEST/UDESC). Na ACLA ocupa a cadeira n. 3 cuja patronesse é Delminda da Silveira.

←VOLTAR