Sílvio Pléticos

Silvio Pléticos | Membro Emérito

Nasceu em Pula, na Itália, atual Croácia, em 1924. Estudou arte em Milão em 1940. A Segunda Guerra Mundial o tornou ilustrador do Exército. Após a guerra, retomou os estudos em Zagreb, entre 1947 e 1954. Em 1961, chegou ao Brasil, fixando residência em Ribeirão Preto (SP), depois em Porto Alegre (RS) e Passo Fundo (RS) antes de se fixar em 1977 em Florianópolis, onde passou a ministrar aulas de Desenho e Pintura. Sua primeira exposição foi realizada em Pula, 1952. Outras ocorreram em diversas cidades brasileiras e também na Itália e na Iugoslávia. Participou da Bienal Internacional de São Paulo em 1965, da 2ª Bienal das Artes Visuais de Porto Alegre, em 1972, e da Bienal Nacional de São Paulo em 1976. Atualmente mora em São Jose, na grande Florianópolis. A crítica diz que Pleticos, ao deixar para traz um continente ainda marcado pela guerra, trouxe consigo o requinte da formação europeia e um senso estético apurado. Órfão desde criança, educado em orfanatos, guarda para a vida cotidiana a simplicidade do essencial, e reserva toda a sofisticação para o espaço da tela. É um artista para quem o processo da arte é um continuo de inspiração e influências adquiridas ao longo da vida. Entre a vida e a arte, Pleticos divide o tempo sem sobressaltos. Como professor, estudou os processos criativos em profundidade e por isso acredita que, de forma consciente, pode chegar a inspiração – um daqueles momentos em que sente que toda sua vida e experiência escorre pela ponta do pincel para a tela”.

←VOLTAR